Espaço do aluno:

Notícias

Como melhorar a concentração durante as aulas online

@Fonte: Notícias Concursos

Quinta, 25 de junho de 2020

Estudar em casa tem sido a única opção para muitas pessoas que estão de quarentena em prevenção ao coronavírus. Várias Instituições de Ensino precisaram se adaptar a esse período e adotaram as aulas online como novo padrão.

Além disso, várias plataformas liberaram cursos gratuitos para quem quer ocupar as horas vagas durante a pandemia. No entanto, a modalidade EAD (ensino a distância) pode ser novidade para muitas pessoas e um grande desafio para os estudantes, que precisam manter a produtividade.

Algumas técnicas podem ajudar a produzir mais nesse período e talvez até se tornarem hábitos para o cotidiano, mesmo depois que a quarentena acabar.

- Escolha um local reservado para os estudos

Pode ser o seu quarto, um escritório ou até mesmo a sua sala, desde que seja um ambiente tranquilo e sem fluxo de pessoas para não distraí-lo. Tome o local como seu crie o hábito de estudar sempre ali. Organize com os materiais necessários e deixe-o mais confortável possível.

- Desligue os aparelhos eletrônicos desnecessários

Para manter o foco nos estudos, desconecte-se do mundo. Nada de celular ou televisão. Nessa hora deve ser apenas você e seus materiais de estudo. Quando o assunto é o computador, tenha consciência na utilização. Em caso de cursos online ou necessidade de pesquisa, o aparelho é extremamente necessário. Contudo, para não atrapalhar a produtividade dos estudos, mantenha redes sociais, chats e e-mails desconectados.

- Aprenda a fazer resumo

Estudar não significa apenas ler o conteúdo que deve ser entendido, e sim fazer uma revisão dele. E como é que podemos fazer uma revisão eficaz? Fazendo um resumo do conteúdo! Para fazer esse resumo é necessário escrever. Estudos comprovam que quem escreve à mão (e não no computador) tende a memorizar mais a matéria que está estudando mais facilmente. Então, além de melhorar a concentração, a técnica ainda contribui para a memorização.

- Procure não acumular a matéria

Para que você não desanime com a quantidade de coisas que você tem que estudar e acabe se dispersando, o ideal é que você estude um pouco por vez. Revise tudo aquilo que você aprendeu na aula do dia ou que traçou como atividade em seu cronograma de estudo para a data. Ao utilizar essa técnica você treina o seu cérebro para que ele aprenda a memorizar aquilo que é mais importante, ajudando a melhorar a concentração.

- Crie uma rotina

O começo é difícil, mas depois que você se acostuma, estudar deixa de ser uma tortura e vira um hábito! Estipule algumas horas do seu dia que sejam apenas para o estudo. Por exemplo, durante 3 horas, de segunda a sexta, você vai seguir um cronograma de estudos adequado à sua realidade. Se por algum motivo você não puder estudar naquele dia, você deve compensar nos dias seguintes. Assim a rotina não fica pesada e você começa a desenvolver o hábito do estudo! Mas atenção: procrastinar é de longe a melhor alternativa. Por isto, quebre a rotina apenas quando for imprescindível.