Espaço do aluno:

Notícias

4 dicas para escrever um texto com coesão

@Fonte: Guia do Estudante

Quinta, 24 de setembro de 2020

Esse é um critério fundamental para conquistar uma boa nota na redação de qualquer exame

Ao escrever sua redação, é importante ter em mente quais itens serão avaliados pelos corretores. Dessa forma, fica mais fácil perceber o que está faltando no seu texto e o que pode ser melhorado. E um dos critérios fundamentais cobrados pela banca do exame é a coesão.

Embora você sempre ouça falar, você realmente sabe o que é um texto coeso? Conversamos com Maurício Soares Filho, professor da Oficina do Estudante, e Andréia Silveira Tavares, professora do Maximize, e separamos alguma dicas para você não perder pontos por causa desse quesito.

-O que significa um texto com coesão?

Um texto com coesão é aquele cujas ideias e palavras estão bem conectadas, facilitando muito o trabalho do leitor.

“Um texto coeso vai direto ao ponto, sem rodeios desnecessários e não tem a mesma palavra constantemente repetida. A leitura progride de forma encadeada e o conteúdo ganha destaque sem ser ocultado por malabarismos linguísticos que atrapalhem sua compreensão”, explica Maurício.

Para isso, é necessário que haja ligação lógica e evolutiva em seus parágrafos, frases, palavras, tanto do ponto de vista gramatical quanto em relação ao conteúdo. Andréia reforça que o uso adequado de conectivos, como conjunções, pronomes, artigos, concordância nominal e verbal, da crase e da pontuação, também fazem toda a diferença.

- Por que a coesão é tão importante?

“A ligação entre os períodos em um parágrafo e entre os parágrafos no texto como um todo é um aspecto fundamental para o desenvolvimento de um discurso fluido e compreensível”, diz Maurício. Segundo o professor, um texto com problemas de coesão tende a apresentar problemas de coerência também, uma vez que conectivos mal empregados podem gerar ruídos nas relações lógicas entre os elementos que compõem o raciocínio apresentado na dissertação.

Se as frases e parágrafos não estiverem completos, claros, objetivos, com vocabulário rico e adequado, que deixem claras as ideias a serem transmitidas, a redação fica caótica, com ambiguidades e informações subentendidas.

Andréia reforça que o parágrafo também tem suas partes fundamentais (começo, meio e fim) e segue a lógica da coesão, coerência e progressão das ideias. “É importante observar se ele apresenta de forma clara seu tema central, se o desenvolve e se o conclui. A sequência dos parágrafos, assim como dos argumentos, também deve ser estratégica, estudada, de modo a dar evolução à ideia central do texto como um todo” diz a professora.

Dicas:

- Planejamento
Fazer um projeto de texto, com a seleção prévia dos dados a serem utilizados na versão final do texto, ajuda muito para que as ideias se encaixem no final e não pareçam informações colocadas lá aleatoriamente.

- Atente-se aos parágrafos
Observe as ligações entre os parágrafos. De um parágrafo para o outro é necessário garantir a complementaridade de ideias e a progressão delas, para que o texto não se torne redundante e a argumentação não progrida.

- Cuidado com repetições
Outra dica é observar se não ocorre a repetição excessiva de um mesmo termo ao longo do texto. Palavras repetidas prejudicam a coesão.

- Saiba usar os pronomes
Perceba também se os pronomes utilizados para fazer referências a palavras e a ideias fazem sentido e contribuem para a clareza do raciocínio desenvolvido no texto.

- Fluidez
Sempre tenha em mente que um texto coeso é aquele que possibilita uma leitura fluida e direta, sem tropeços que dificultem o entendimento do leitor.

- Releia
Ler e corrigir a própria redação quantas vezes forem possíveis e necessárias ajuda a garantir que a redação esteja adequada e que todos os cuidados mencionados até aqui foram tomados, principalmente a fluidez e a ausência de repetições.