Espaço do aluno:

Notícias

Alunos do Colégio de Aplicação da UFPE ganham medalha de ouro em Olimpíada de História

@Fonte: Diario de Pernambuco

Quarta, 21 de agosto de 2019

O Colégio de Aplicação (CAP) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) conquistou uma medalha de ouro e duas medalhas de bronze na 11ª Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB). Realizada nos dias 17 e 18 deste mês, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em São Paulo, a competição teve a participação de 18 alunos do Ensino Médio da escola. Pernambuco teve um total de 15 medalhas na Olimpíada, consagrando-se o segundo colocado nacional no quadro de medalhas.

Os alunos do CAP tiveram a orientação do professor de história Diego Carvalho. “Acho importante a conquista para o colégio e para a Universidade. Tendo em vista o momento difícil que passamos, o nosso resultado é a prova de que escola pública e de qualidade é o único caminho que nos deixará mais preparados para construir um país melhor”, disse o docente.

Esta foi a primeira vez que o CAp obteve medalha de ouro na competição. Esse ouro foi o único de escolas públicas pernambucanas nesta edição da olimpíada. “Ver jovens se interessarem pela história do nosso país é minha grande motivação de investir neste projeto e fazer ele se propagar na escola”, completou o professor.

Este ano, a ONHB contou com 73 mil inscritos de todos os estados do país, o que corresponde a 18,5 mil equipes. Em sua fase final, a 11ª Olimpíada Nacional em História do Brasil reuniu 1,2 mil participantes de escolas públicas e privadas de todos os estados brasileiros, distribuídos em 314 equipes, que chegaram nessa etapa após participarem de seis fases on-line realizadas nos meses de maio e junho.

No total, foram entregues 15 medalhas de ouro, 25 de prata e 35 de bronze, além de medalhas de honra ao mérito para os demais participantes. O Nordeste foi o que mais levou medalhas: do total de 75 distribuídas, 58 foram para a região.

O Rio Grande no Norte foi o estado com maior número de medalhistas: 20 no total, seguido de Pernambuco (15) e Ceará (14), São Paulo (12), Bahia (4), Piauí (3), Minas Gerais (2), além de Goiás, Pará, Paraíba, Rio de Janeiro e Sergipe, que levaram uma medalha cada. As escolas particulares levaram 43 medalhas, e as escolas públicas conquistaram 32 medalhas.